• English language
  • Spanish language
  • Portuguese
+ 1 (305) 445-1341
Latin American Agribusiness Development Corporation S.A.

Latin American Agribusiness Development Corporation S.A.

Local Knowledge Focus Flexibility

Desembolsos

Disbursement Visual Portugal

A economia da América Latina, região onde atuamos, enfrentou turbulências significativas em 2015, e muitas de suas economias enfrentarão divergências de crescimento ao longo do ano. As economias da Argentina, do Brasil e da Venezuela — os membros de maior porte do bloco do Mercosul — registraram um baixo crescimento econômico ou permaneceram em recessão. Do outro lado do continente, Chile, Colômbia, México e Peru — que compõem a Aliança do Pacífico — registraram um crescimento lento, abaixo do seu potencial, decorrente da queda dos preços das commodities, da desaceleração na China e da volatilidade financeira mundial.

Apesar dessa realidade econômica, a LAAD obteve bons resultados operacionais, com rentabilidade recorde para o exercício fiscal que terminou em 31 de outubro de 2015. Ao longo do ano, a LAAD desembolsou uma quantia recorde de US$ 193,2 milhões que foram destinados a 291 projetos em 14 países, superando em 5,5% os resultados de desembolso do ano passado. Os projetos financiados pela LAAD em 2015 geraram mais de 9.000 novos empregos e vão gerar mais US$ 159 milhões por ano em moeda estrangeira, extremamente necessários para a região. Os projetos relacionados ao café e à soja representaram 15,17% e 12,35% respectivamente, do valor total desembolsado; bananas representaram 10,5%; e gado, uvas e flores, 15,71%. O restante foi composto por vários outros produtos. Como resultado, a carteira de empréstimos para agronegócios da LAAD apresentou crescimento de 11,8% ano a ano, atingindo quase US$ 570 milhões ao final no exercício fiscal de 2015.